Tá perdido?

Carregando...

Sobre nós

Curta!

Seguidores

Twitter

Siga por e-mail

Siga!

Eu leio Brasil

Pai bárbaro

Loja do leitor

Meise está lendo

Isadora está lendo

Blog Archive

Favoritos de Meise

Favoritos de Isadora

Tecnologia do Blogger.

Link us

Viciadas em Livros

Arquivo do blog

25 de maio de 2014

Como ser escritora? Eis a questão..

Olá minha gente!
Não existe faculdade para ser escritor, mas você pode ir atrás de Letras, Jornalismo e Publicidade. Porque pode te ajudar bastante e vir a se tornar um dos melhores escritores. Todos que querem ser escritores, primeiro de tudo, deve gostar de ler e ler MUITO, conhecendo desde os livros infantis até os grandes clássicos da literatura, de todo e qualquer tipo, tendo assim e de outras formas uma visão ampla, uma mente aberta que faça você imaginar as histórias.
"Sou um escritor sem experiencia, sem português corretíssimo, mas sou um escritor com alma, com espirito e com vida..." 
Deve saber além de tudo saber conversar, questionar, reflexionar, ouvir, interagir com diversos grupos e cultura. A língua portuguesa não é tudo, não basta escrever um livro certo e não ter uma forma de se expressar muito boa. O título do livro e a capa muitas vezes chamam muita atenção.
O que acho bem válido é você buscar o contato da editora que você acha que tem a mesma linha editorial do seu livro. Prepare um material bem bonito. Coloque um resumo da sua carreira até aquele momento, uma sinopse e os três primeiros capítulos.Sobre a sinopse, escreva com a cabeça do editor. Coloque detalhes interessantes. O editor precisa pensar: Uau! Que interessante. - disse Tammy Luciano no seu site, escritora do livro Garotra Replay
Algumas editoras cobram para publicar seus livros. Se você for contratada da editora, talvez eles não cobrem. Você deve ter paciência para encontrar a sua editora, pois não é nada fácil. \Ouvi dizer que escritores precisam ser amigos de escritores, que tal embarcar nessa para ser amigo(a) da Paula Pimenta, do John Green, da Collins, do Ziraldo, Quick, Paulo Coelho?
"Quando os escritores morrem, eles se transformam nos seus livros. O que, pensando bem, não deixa de ser uma forma interessante de reencarnação." (Jorge Luis Borges)

Espero que todos vocês tenham gostado do meu post de hoje. Foi algo meu improvisado. Mas, me digam, quem aí quer ser escritor? Não dê bola para o que os outros digam. Siga seus sonhos! Beijos, boa semana e bom restinho de final de semana :)


12 comentários:

  1. Oi Carol!! Gostei muito da sua reflexão! Eu comecei a escrever um livro infanto-juvenil sobre um mundo mágico, mas é MUITO difícil! Tem dias que as ideias simplesmente somem da sua cabeça e tem outros dias que parece que as palavras se escrevem sozinha, nem preciso pensar! Vamos ver se um dia eu termino! rsrs
    Beijoo, Gabe!

    mundomagicolivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu cresci lendo, pra ter uma noção, quando eu era menor e a biblioteca ficava fechada, eu lia os livros didáticos da escola, só pra não ficar sem ler. Então, meu sonho já foi ser escritora, até eu cair na real - se bem que acho que sempre terá um espacinho em mim querendo publicar um livro, um dia. Quando meio que desisti disso, optei por fazer faculdade de jornalismo ou publicidade, coincidência? Haha!
    Beijos

    http://desfocandoideias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ser escritor não é fácil rs, é muito dificil, mas é tão sublime que compensa :)

    http://pequenamiia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. kkkkk ser amigo de Jhon Gree foi boa. rsrs...pelo que sei a vida de um escritor brasileiro não é nada fácil. Mas...eu prefiro seguir o meu papel como leitora.
    Bjss

    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ser escritor é um sonho bem impossível, mas que eu sonho que se torne possível em minha vida. Por isso futuramente vou cursar jornalismo. Adorei o post, acho que me ajudou em certos pontos.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. OI.
    Eu escrevi um livro de poemas quando tinha 13 anos e nunca publiquei, também venho trabalhado em um a cerca de um ano e acabei parando. Nunca pensei em publicá-los de verdade a timidez não deixa. kkkk
    Beijos.
    http://livrosporumbeijo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Bem, como diz o nome do meu blog, eu sou uma "quase-escritora", porque é difícil para caramba ser lido no Brasil. Tudo o que você falou faz sentido, mas eu acredito que sorte é um dos principais pontos dos escritores de sucesso.
    Beijo!

    www.diarioquaseescritora.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Que demais a postagem, muito inspiradora. Não tenho sonho de ser escritora, já tenho ideia de fazer faculdade para seguir outra carreira, mas ás vezes, acabo por escrever algum capítulo do livro que estou escrevendo apenas por diversão haha
    Mas se um dia eu decidir escrever algo sério, para publicar mesmo, suas dicas irão me ajudar muito!
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oiee Carolina tudo bem flor?? Realmente é complicado essas coisas né? Mas eu acredito que a pessoa tem que seguir os sonhos dela, se for ser escritora então lute por ele nem q vc tenha q fazer outras coisas junto mas o importante é ñ desistir né? ^^

    /closettgarden.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia o vosso blog mas já estou a seguir!
    Eu participo sempre em concursos de escrita e gosto bastante de escrever mas não sei se dará em alguma coisa >.<

    Estou a começar na blogsfera, importa-se de dar uma olhadela?
    worldandthought.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Carolina! Interessante os pontos que você abordou, ser escritor deve ser algo incrível e ao mesmo tempo, de uma caminhada longa. Amei essa frase de Jorge Luis *_______*

    Beijão

    ResponderExcluir
  12. Gostei do seu post, foi bem interessante. Estou pensando em cursar na área de jornalismo ou publicidade, tudo por causa desse meu amor com o desejo de ser escritor.

    https://teensinwonderland.blogspot.com

    ResponderExcluir

A leitura é uma porta aberta para um mundo de descobertas sem fim. - Sandro Costa

Obrigada pela visita. Sinta-se a vontade para dar sugestões, fazer críticas ou elogios!