Sobre nós

Seguidores

Curta!

Instagram

Twitter

Siga por e-mail

Eu leio Brasil

Meise está lendo

Isadora está lendo

Blog Archive

Tecnologia do Blogger.

Link us

Viciadas em Livros

Arquivo do blog

22 de junho de 2013

Guia de viagem #2: Magic Kingdom - Orlando








Oi, gente!
Neste segundo Guia de Viagem, vou falar um pouco sobre o Magic Kingdom, o parque mais famoso da Disney World. É aqui que fica o famoso castelo da Cinderela, que provavelmente todos já devem ter visto.
Não possui brinquedos muito radicais por ser mais voltado para crianças, mas tem uns que dão um ventinho na barriga, que eu vou indicar aqui embaixo. 
Uma das coisas boas do parque é a facilidade de se localizar. O famoso castelo da Cinderela fica no centro do parque, que se divide em vários caminhos para diversos lados. Com um mapa na mão, não tem como se perder, então isso não vai ser um problema para você e a sua família, ou qualquer pessoa que vá com você.

Atrações indispensáveis:
  • Pirates Of The Caribbean: indico esse brinquedo, mesmo se você não gosta tanto de Piratas do Caribe. É basicamente um passeio de barco em diversos cenários de mais uma aventura do Jack Sparrow muito bem feitos. 
  • Cinderella Castle: na verdade, você não faz absolutamente nada dentro do castelo, apenas ver um andar dele (ou até dois, se você conseguir ir no restaurante). Mas, de noite, há apresentações com fogos e até com a Sininho voando, que eu acho um cenário maravilhoso. 
  • Peter Pan's Flight: passeio num carrinho que te transporta para diversos cenários de uma aventura do Peter Pan. Se você gosta desse desenho, eu indico ir. 
  • Big Thunder Mountain Railroad: montanha-russa não radical, mas divertida, com um cenário incrível, com um ambiente de Velho Oeste.
  • Splash Mountain: basicamente um passeio de barco diferente dos outros, por ser calmo no início e mais radical no final (você com certeza irá sair molhada/encharcada). Aconselho ir independente da estação do ano, mas, claro, vai da sua escolha. 
  • The Haunted Mansion: passeio num carrinho por uma mansão assombrada. Por ser um parque infantil, não é uma mansão tão assombrada assim, mas os efeitos são demais. Enquanto você está na fila, pode encontrar diversas lápides e outras decorações divertidas. Não se esqueça de lê-las. 
  • Buzz Lightyear's Space Ranger: carrinhos com pistolas de raios que devem ser usadas para disparar nos diversos alvos espalhados pelo brinquedo. 
  • Laugh Floor Comedy Club: show interativo com alguns dos personagens do Monstros S.A., com comediantes que improvisam - através de uma tela - em cada apresentação que fazem, já que sempre escolhem pessoas diferentes. Você pode, sim, ser uma dessas pessoas escolhidas, por isso recomendo ir se você souber inglês, já que eles chegam a fazer perguntas. Quando eu fui, meu pai foi um dos escolhidos e ele até recebeu um adesivo de ter participado, algo assim.
  • Space Mountain: o brinquedo mais radical do parque. É uma montanha-russa no escuro, com decorações espaciais. Ela não tem loopings, mas é muito divertida. Indico para todos.
Durante o dia, algumas passeatas passam pelo parque em tais regiões. Se quiser ver, aconselho checar no mapa ou com alguma pessoa que trabalhe lá sobre os horários. 







Sugestões:
A Disney possui um sistema chamado FastPass, no qual os visitantes podem acessar as atrações sem passar pelas filas. Ao contrário dos parques da Universal, não se deve pagar um dinheiro a mais. Próximo de alguns brinquedos, estarão disponíveis algumas máquinas que te permitem, a partir de seu próprio ingresso, arranjar o FastPass. Este te dará um horário certo para voltar ao brinquedo, te dando um limite de uma hora. Como esse sistema está em constante mudança, é melhor checar no momento com alguém que trabalhe lá ou no próprio ingresso quando será a próxima vez que você poderá usar o FastPass.
Assim em como os todos os parques, lojas estão em todos os lugares e você é sempre direcionada à uma no final de um brinquedo/atração.
Sobre restaurantes, não tenho muito o que indicar, já que o parque possui de todos os tipos, desde de restaurantes de serviço rápido (15 dólares para baixo) quanto restaurantes mais elegantes (entre 30 e 60 dólares), sendo que estes normalmente funcionam com reservas adiantadas (o restaurante que tem dentro do castelo da Cinderela é um exemplo).

Gente, como eu não sei sobre como "organizar" meus guias, eu vou colocar uma enquete no final de cada post para ver qual lugar vocês querem no próximo. Então aqui vai:

Um comentário:

  1. Oiii!!
    Que sonho visitar Orlando!
    Amei o seu post! <3
    Beijoss

    Elidiane - Leitura entre amigas

    ResponderExcluir

A leitura é uma porta aberta para um mundo de descobertas sem fim. - Sandro Costa

Obrigada pela visita. Sinta-se a vontade para dar sugestões, fazer críticas ou elogios!